Uma mulher caminhando por um caminho em um parque com uma sacola amarela.
  • Save

Plataformas para Sites: 3 tipos de plataformas para o teu próximo site

Já falei um pouco sobre a necessidade (ou não) do teu negócio digital ter um site. Mas depois de tomares a decisão de construir um, que tipos de plataformas para sites existem? E qual a mais adequada para o teu negócio?

O que precisas para criar um site?

Depois de teres as tuas bases, está na hora de começar a pensar na tecnologia. E esta é normalmente a parte que a maioria dos empreendedores considera mais complexa… o tal bicho de sete cabeças, certo?

Estou aqui para tirar esse(s) nó(s) da tua cabeça e simplificar. A construção de um site não é assim algo tão complexo… se escolheres a plataforma certa.

Então, que tipos de plataformas para sites existem?

3 tipos plataformas para criar o teu próximo site

Antes de entrarmos na parte eventualmente mais assustadora, vamos fazer aqui um pequeno parêntesis: a construção de um site não implica que sejas tu a fazer tudo. Poderás delegar aquilo que entenderes, mas nunca podes delegar a estratégia do teu negócio (ou não devias!). E é precisamente de estratégia que vamos falar aqui.

Desenvolvimento à Medida

Este é o tipo de plataforma mais antigo de todos. Nos primórdios da internet, os sites eram todos feitos em processadores de texto (tipo notepad), à mão, página por página, funcionalidade por funcionalidade. Ainda há quem faça sites assim, mas são habitualmente grandes empresas que têm:

  • Grandes orçamentos dedicados à tecnologia dos seus negócios
  • Capacidade para contratarem uma equipa multidisciplinar para a construção do site (programador, designer, gestor de marketing, tester de qualidade, consultor UX e de Acessibilidade, advogados)
  • Ou então capacidade para contratar uma agência que tenha todas essas valências nos seus quadros.

Um desenvolvimento de site à medida é a aposta certa para ti se:

  • Queres algo mesmo 100% teu, não replicável, e que seja construído à medida para o teu negócio
  • Tens a verba necessária para este tipo de investimento
  • Tens a equipa técnica necessária para fazer a manutenção/novos desenvolvimentos no software que está a ser construído para ti.

SAAS ou Software As A Service

Como o nome indica, este é o tipo de plataforma que alguém construiu para poderes fazer alguma coisa nos servidores deles. Existem SAAS para todo o tipo de serviços, mas neste caso, vamos falar sobre aqueles que foram criados para construir sites.

Estes softwares funcionam de forma muito simples: existe um site onde vamos, registamo-nos, e criamos um site, de forma gratuita inicialmente na maioria deles, mas rapidamente temos que passar para as versões pagas, que normalmente são bastante mais dispendiosas do que o terceiro tipo de plataforma (que já vou falar a seguir).

São caracterizados por, a maioria deles, funcionar com software proprietário (o que implica que se quiseres mudar de alojamento, tens de fazer o site todo novamente) – excepção feita ao WordPress.com, cujo motor principal é o WordPress que é software aberto e acessível a qualquer pessoa. Podes ler mais sobre as diferenças entre o software, e o SAAS aqui: https://anasofiasantana.pt/wordpress-com-ou-wordpress-org/

É preciso também ler muito bem os termos e condições de serviço destes sites. Podes ter algumas surpresas.

Exemplos deste tipo de SAAS:

Um site construído numa plataforma SAAS é a aposta certa para ti se:

  • Queres criar algo rapidamente e sem grande investimento, e não te importas de ter um domínio genérico xxx.wordpress.com por exemplo
  • Queres ser tu própria a criar o teu site, mas não tens tempo ou paciência para andar a aprender como usar o WordPress, e tens capital suficiente para os upgrades que o software te vai pedir
  • Não te importas de ter um site básico para manter os valores de investimento mais baixos

Se quiseres mesmo ir por esta via, recomendo que vás para o WordPress.com, pela simples razão de ser mais fácil migrar para outro lado, quando chegar a altura (porque aposto que vai chegar!).

Alojamento Próprio com CMS ou Content Management System

Como o nome indica, é um alojamento que é teu. És tu que o pagas, e tudo o que lá colocares dentro é da tua responsabilidade. Podes fazer o que quiseres, e enquanto pagares o alojamento, ninguém te pode eliminar nada.

Dito isto… fazer o quê? Instalar um CMS, ou Content Management System, claro! Neste artigo falo-te um pouco mais sobre o que são CMS, e do WordPress em particular. À data de hoje, cerca de 70% dos sites na internet utilizam este tipo de softwares como base de construção. E destes 70%, o WordPress é responsável por cerca de 63%.

E porquê? Porque é uma ferramenta que podes utilizar de forma gratuita, super flexível, otimizável, escalável e difundida pelos 4 cantos do globo. Já percebeste que sou fã, certo? 🙂 Mas tenho razões para isso! 

Claro que este tipo de software tem uma ligeira curva de aprendizagem, da qual a maioria das pessoas foge… Mas acredita, vale a pena! 

Um site construído num CMS é a aposta certa para ti se:

  • Queres construir algo robusto, escalável e extremamente flexível, sem gastar muito dinheiro
  • Tens disponibilidade para aprender e por as mãos na massa (prometo que não demasiado)
Plataformas para Sites - Imagem de mulher numa encruzilhada - Ana Sofia Santana
  • Save

Conclusão

A decisão de que tipo de plataforma vais usar para construir o teu próximo site tem de partir duma análise de vários fatores:

  • Que tempo tens
  • Que capital tens disponível
  • Em que fase está o teu negócio

Não há uma resposta certa, há a tua resposta certa, e qualquer que seja essa resposta, eu estou por aqui para te ajudar a desmistificar a tecnologia envolvida.

Se quiseres aprender a construir um site em WordPress e teres o teu site no mundo daqui a um mês (ou menos), vê o meu Curso WordPress em 21 Passos! Se, para além disso, gostavas de fazer todos os meus outros cursos e ainda ter a minha ajuda, mentoria, comunidade e mais, espreita o Clube de Tecnologia para Negócios Digitais.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Copy link